Bem vind@ ao
Portal PET-Computação!

Quem somos?


  Criado em 2009, o grupo PET Computação traz uma temática inovadora e repleta de desafios e oportunidades, onde os professores e os alunos envolvidos no grupo ampliam sua motivação e sua capacidade produtiva, atuando como geradores e multiplicadores de conhecimentos capazes de estimular o desenvolvimento humano, social e econômico da região.

  O Programa de Educação Tutorial – PET – constitui-se em programa de educação tutorial desenvolvido em grupos organizados a partir de cursos de graduação das instituições de ensino superior do País, orientados pelo princípio da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão.

Nossos Objetivos


  O objetivo geral consiste em promover a formação ampla e de qualidade dos alunos envolvidos direta e indiretamente com o programa, estimulando a formação crítica e a fixação de valores que reforcem a cidadania e a consciência social de todos os participantes.

  Diversas temáticas da área de Computação são utilizadas para o desenvolvimento das atividades de pesquisa, de ensino e de extensão, sendo abordada a Inclusão Digital, através de ações e atividades acadêmicas junto à sociedade.

  Queremos estimular a formação de profissionais cidadãos tecnicamente capacitados, pautados pela ética e fortemente comprometidos com o desenvolvimento social e econômico do país.

Comprometimentos


  • Oferecer formação acadêmica de excelente nível aos discentes da Computação, com incentivo a análise crítica de problemas que vão além das atividades de sala de aula;
  • Apoiar as iniciativas relacionadas com a área de Computação da UFPel que não sejam organizadas diretamente pelo grupo PET, como organização de palestras, semanas acadêmicas, cursos de extensão e outros;
  • Estimular a prática da pesquisa científica como ferramenta para a construção do conhecimento e para a melhoria da qualidade de ensino na UFPel e região;
  • Desenvolver ações de extensão acadêmica que contribuam para elevar a qualidade do ensino médio local, diminuindo a distância entre os níveis médio e superior, de forma a promover o intercâmbio didático entre professores e alunos, chamando atenção da importância e do impacto da Computação no cotidiano;
  • Desenvolver ações de extensão acadêmica que contribuam para a educação do cidadão, por meio da compreensão do papel da Computação no desenvolvimento da sociedade e principalmente as facilidades que a tecnologia oferece aos cidadãos;
  • Promover atividades de divulgação de tecnologias e ferramentas para desenvolvimento de software e hardware, tais como palestras e mini-cursos, voltados principalmente para estudantes de Ciência da Computação, Engenharia da Computação e de cursos afins, bem como profissionais dessas áreas na região;
  • Promover cursos gratuitos de Inclusão Digital para estudantes de escolas públicas, com o objetivo de dar uma formação rápida e eficaz, sobre princípios de Computação, Internet, ferramentas de edição de texto e outros assuntos de relevância;
  • Interagir com as forças políticas e econômicas da região com vistas à construção, em parceria, de propostas para modernizar a matriz econômica da região de Pelotas;
  • Desenvolver projetos em cooperação com instâncias do poder público na região, com o intuito de desenvolver atividades de combate à exclusão digital com maior abrangência;
  • Representar papel de vetor de conhecimento, ciência e tecnologia entre forças econômicas e políticas e camadas menos favorecidas da sociedade;
  • Criar um elo entre os projetos de pesquisa em desenvolvimento, com o conteúdo programático desenvolvido nas diferentes disciplinas dos cursos de Computação da UFPel, de maneira interdisciplinar, permitindo uma formação complementar, que será baseada em aplicações mais práticas e atuais dos conhecimentos abordados em sala de aula, além de possibilitar a construção de novos conhecimentos;
  • Promover o intercâmbio entre os acadêmicos bolsistas do programa com os demais acadêmicos e com o corpo docente dos cursos de Computação da UFPel;
  • Integrar discentes e docentes da Computação através da organização de atividades culturais e esportivas;
  • Incentivar e apoiar a criação de novos projetos de pesquisa na UFPel, visando fortalecer as ações e dar maior suporte ao projeto ora proposto, bem como aumentar as possibilidades de envolvimento de estudantes com projetos de pesquisa e potencializar as perspectivas de cooperação entre diferentes linhas de pesquisa.